fbpx

A resposta do prefeito Bruno Silva à criminalidade já está em Coelho Neto e não tem data para sair

24 horas após a cidade de Coelho Neto viver mais um final de semana de criminalidade atípica, o prefeito Bruno Silva reuniu-se com várias lideranças politicas do nosso município para tratar desse assunto que tanto atormenta o povo coelhonetense. Como sempre aconteceu, e sendo essa pelo menos a quarta vez, o prefeito dirigiu as preocupações da população diretamente para o secretário estadual de segurança pública, na capital maranhense.

A criminalidade em Coelho Neto fez surgir na população, pelo menos por hora, um sentimento que nos leva a crer que a bandidagem está quase vencendo a capacidade de atuação das nossas polícias. Durante a semana, assaltos, e no final de semana, a morte de duas pessoas num intervalo de menos de 12 horas, além de uma briga com disparos de arma de fogo em bar de nossa cidade. Dentro do nosso contexto social, isso foi a gota d’água no copo cheio que fez nossa população derramar indignação nas redes sociais.

Toda via, o prefeito municipal, que realmente leva a sério a fala que fez sobre não tolerar esse tipo de situação, logo se manifestou. Sem batimento de boca ou rebatendo textões nas redes sociais, ele simplesmente reuniu forças políticas do nosso município para dar peso à novas demandas feitas ao secretário estadual de segurança pública, Jefferson Portela.

Em resposta ao pedido do prefeito Bruno Silva e à comissão que o acompanhou, o secretário enviou nesta terça-feira (25) a FEISP – Força Estadual Integrada de Segurança Pública, que fica na cidade por tempo indeterminado a fim de não precisar mais ter que voltar a atuar aqui por problemas semelhante.

A FEISP é formada por policiais militares, bombeiros e policiais civis e foi criada com o objetivo de atuar com integração, cooperação, eficiência, excelência técnica e liderança situacional, quer seja em área urbana ou rural, como efetivo de pronto emprego, para resposta imediata ou ainda recobrimento nas diversas situações de segurança pública do Estado.

A major da Polícia Militar Keyssiane, a única mulher entre os coordenadores da Força Estadual Integrada de Segurança Pública, está pessoalmente em Coelho Neto e comandará a atuação da tropa em Coelho Neto. O comandante do 3º Batalhão da PM de Coelho Neto, Tenente Borges, está sendo o responsável pelo planejamento das operações que serão executas de modo integrado entre PM, Polícia Civil e FEISP dentro dos próximos dias.

Novamente, Bruno Silva demonstra que quando um prefeito quer mudanças ele deve ter a sensibilidade de ir buscá-las, mesmo que elas não sejam de competência da gestão municipal, é preciso em nome da população ser persistente e falar com as pessoas certas para alcançar os resultados pretendidos. Sendo assim, não há o que reclamar da forma com a qual o prefeito Bruno Silva trata a segurança pública do nosso município, pois a prova disso está neste momento operando nas ruas da cidade.

- Advertisement -spot_img

DEIXE UMA RESPOSTA

Por favor digite seu comentário!
Por favor, digite seu nome aqui